", }); });
Sábado, 21 de Maio de 2022
°

-

Dólar
R$ 4,88
Euro
R$ 5,15
Peso Arg.
R$ 0,04
Geral Ribeirão Cascalheira

7ª Queima do Alho em Ribeirão Cascalheira recebeu aproximadamente 20 mil pessoas

O evento ficou fora da programação municipal por dois anos, devido a pandemia da Covid-19.

11/05/2022 às 15h12 Atualizada em 12/05/2022 às 08h58
Por: Redação
Compartilhe:
Fotos: Mix Agência
Fotos: Mix Agência

Por: Adailson Pereira

Aconteceu entre os dias 05 a 08 de maio, em Ribeirão Cascalheira (a 880 km de Cuiabá), a 7ª edição da Queima do alho. O evento ficou fora do calendário municipal por dois anos, devido a pandemia da Covid-19. A programação teve uma nova roupagem, com sorteio de um lote e premiações para o concurso de comitiva, com o prêmio máximo de uma motocicleta BMH.

Para chamar a população, a organização fez um esquenta, que foi realizado na terça-feira (3), no Estádio Municipal, regado com shows regionais e som automotivo.

A abertura oficial da 7ª Queima do Alho, aconteceu na quinta-feira (5), às 18h30, com a carreata comanda pelas comitivas, moto club e a população, que percorreu a principal avenida do município, finalizando o percurso no Espaço Cultural, local onde foi realizado o evento. Logo, às 23h, a dupla sertaneja Mario e Thizil, que são filhos da terra, fez um mega show no palco principal. Já no segundo, houve a apresentação regional de Lúcia Ribeiro e Rodrigo Mota.

A grande novidade ficou por conta do Corpo Musical da Polícia Militar de Mato Grosso, que apresentou no palco principal, na sexta-feira (6). Vale ressaltar que os músicos ficaram conhecidos nacionalmente, através de memes feitos por influenciadores, como Whindersson Nunes e Tirulipa. Após a apresentação dos militares, a banda Os Originais cantou diversas músicas, incluindo o rasqueado, ritmo musical oriundo de Cuiabá. No entanto, o show mais aguardado da noite foi da dupla PH e Michel. Já no segundo palco, seguindo a tradição de dar oportunidade aos músicos da região, Maguinho fez um show diversificado.

Contudo, o ápice da 7ª Queima do Alho, foi no sábado. O Espaço Cultural recebeu mais de 7 mil espectadores. Porém, a programação começou pela manhã, na feira da agricultura familiar. A prefeitura Luzia Brandão (Solidariedade), recebeu inúmeros políticos no local, incluindo o deputado estadual Max Russi (PSB).

O parlamentar foi um dos articuladores para que o evento acontecesse. “A região do Araguaia é rica em cultura e diversidade, e graças a Deus tenho conseguido emendas através do governador do estado, para que eventos como este aconteça”. Max Russi aproveitou a oportunidade para revelar outras obras que estão sendo realizadas em Ribeirão Cascalheira, como o novo Hospital Municipal, a construção de 50 casas populares, aquisição de maquinários, entre outros.

Já pela noite, o palco principal recebeu vários prefeitos e lideres políticos da região que parabenizaram a prefeita de Ribeirão Cascalheira pelo trabalho que vem desenvolvendo no município. Luzia Brandão recebeu uma medalha do deputado Max Russi, reconhecimento pelo trabalho prestado. Após a solenidade, a dupla Zé Ricardo e Thiago levou os mais de 7 mil presentes ao delírio. Finalizando a noite, o segundo palco recebeu os shows de Júnior e Cia e Arrasta Moleka.

A programação do último dia, no domingo (8), começou logo pela manhã com a cavalgada das comitivas, no qual 12 participaram, seguido pelo Festival Gastronômico, apenas cinco participaram do festival, carro chefe do evento, e o almoço servido aos presentes.

Porém, o momento mais esperado foram as premiações. Antes da prefeita anunciar as comitivas vencedoras, foi realizado um sorteio de um lote, onde Josyene Fabrizza Costa foi a sorteada. Em entrevista ao site Mix Agora, a técnica em medicina veterinária relatou que mora no município há 8 meses, e que estava muito feliz pela conquista.

Também houve premiações para os melhores trajes, masculino e feminino e a melhor traia.

No traje feminino, a grande vencedora foi Betina Pereira, da comitiva Firme na Traia. Já o melhor traje masculino, foi de Paulino, ambos receberam R$ 300. Como melhor traia, também da comitiva Firme na Traia, ficou com a vereadora Daiane Belém (DEM), que recebeu pela conquista, uma quantia de R$ 400.

Os jurados votaram, e elegeram as melhores comitivas, durante a cavalgada e o festival gastronômico. Com 88,30 pontos, a comitiva Amigos da Estrada de Bom Jesus do Araguaia foi a grande vencedora, levando uma motocicleta BMH. Em segundo lugar, com 84 pontos, ficou a comitiva de Ribeirão Cascalheira, Brutos e Brutas, levando R$ 2500 mais uma vaca como premiação. Vale ressaltar que na última edição do evento, eles foram os grandes campeões. Por fim, em terceiro lugar, com 83,50 pontos, ficou a comitiva Agrochama, também do município, tendo como prêmio R$ 1500.

O presidente do evento, secretário municipal de cultura, desporto e lazer, João Marcos Cardoso Ricarti, agradeceu a todos pelo apoio, e ressaltou que a 7ª Queima do Alho recebeu aproximadamente 20 mil pessoas, entre os quatro dias de evento. “Foi recorde de público entre todas as edições e foi eleita também como melhor estrutura, e isso é muito gratificante, fruto de um trabalho coletivo”, disse o secretário.

A prefeita Luzia Brandão também estendeu os agradecimentos a todos que ajudaram, incluindo as emendas parlamentares a as empresas do município que ajudaram com patrocínios.

“No final, todos saíram ganhando. Um evento desse porte fomenta a economia do município, gerando emprego e renda. Agradeço a todos que nos apoiaram. O evento foi muito esperado e graças a Deus foi um sucesso. Agora, o nosso maior desafio é fazer um evento ainda melhor no próximo ano”, finaliza a prefeita.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários