", }); });
Quarta, 29 de Junho de 2022
°

-

Dólar
R$ 5,27
Euro
R$ 5,54
Peso Arg.
R$ 0,04
Geral Imposto de Renda

Em MT 86 mil pessoas ainda não declararam o Imposto de Renda

As declarações precisam ser entregues até terça-feira (31).

28/05/2022 às 10h39
Por: Redação Fonte: TV Centro América
Compartilhe:
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Cinthya Rocha - TV Centro América

Em Mato Grosso, 86 mil pessoas ainda não declararam o imposto de renda. Em todo o estado já foram feitas mais de 543 mil declarações, segundo a Receita Federal. Os documentos devem ser entregas até terça-feira (31).

 

Para organizar a documentação, o ideal é contar com a ajuda de um contador, mas nem sempre isso é possível.

 

O auditor fiscal Yuiti Shimada explica que quando a declaração é simples, o site da Receita Federal possui um documento pré-preenchido para ajudar no processo. Já as declarações mais complicadas, é recomendado a ajuda de um profissional.

 

Conforme o auditor os erros mais comuns dos contribuintes são as despesas com os dependentes e as despesas médicas.

 

"Os erros mais comuns são os valores correspondentes a despesas com dependentes e também despesas médicas em que o valor nem sempre é aquele que consta nos nossos arquivos", disse.

 

Para os contribuintes que não conseguiram juntar as documentações, uma opção é fazer uma declaração temporária sujeita a retificação posterior dos registros.

 

"É preferível fazer uma declaração temporária porque a entrega fora do prazo resultará na multa de 2% do imposto devido sendo que o valor mínimo é de R$ 165, 50", contou.

 

As pessoas que deixarem de entregar as declarações, terão o Cadastro de Pessoa Física (CPF) suspenso que acarretará o impedimento de operação bancária.

 

De acordo com a Receita Federal, na terça-feira (31) inicia o pagamento da restituição do primeiro lote do imposto de renda.

 

O segundo será pago em 30 de junho, o terceiro, em 29 de julho e os demais em 31 de agosto e 30 de setembro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários