", }); });
Sábado, 04 de Dezembro de 2021 22:02
66 98150-5448
Geral Paralisação

Servidores do estado de MT paralisaram suas atividades nesta quarta para pedir recomposição salarial

Servidores pedem recomposição salarial e pagamento da Revisão Geral Anual (RGA).

28/10/2021 08h44
Por: Redação Fonte: G1 MT
Fotos: Reprodução
Fotos: Reprodução

G1 MT

 

Parte dos servidores do governo de Mato Grosso paralisaram suas atividades na quarta-feira (27), eles pedem recomposição salarial de 20%, por conta da inflação e perda no poder de compra do salário e também contra a tramitação da reforma administrativa. Nesta quinta (28) é comemorado o Dia dos Servidores Públicos.

 

Procurado, o governo de Mato Grosso disse não irá se manifestar sobre a paralisação por ser um direito do servidor.

 

O Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT), membro do Fórum Sindical, foi um dos signatários do movimento dos servidores. As mais de 700 escolas de Mato Grosso tiveram suas atividades suspensas nesta quarta.

 

Segundo o presidente do Sintep, Valdeir Pereira, disse que o governo não paga o reajuste integral dos servidores desde 2018. Ele destaca que a inflamação registrada é superior a 10%, nos últimos 12 meses. Afirma que o governo deve fazer um reajuste no próximo ano, mas que não atingirá a totalidade da inflação.

 

“Vai ficar pela metade, tivemos um aumento da alíquota previdenciária e o governo não sinaliza em pagar os valores defasados”, disse.

 

Valdeir lembrou ainda que os servidores não recebem os aumentos previstos na Lei Complementar 510/2013. A lei que previa a dobra do poder de compra dos servidores da educação foi julgada inconstitucional pelo Tribunal de Justiça, a pedido do Ministério Público de Mato Grosso.

 

Pela manhã, os sindicatos fizeram uma sessão plenária alternativa, na Assembleia Legislativa de Mato Grosso. Novamente, a pauta foi o pagamento do RGA pelo governo do estado.

 

No período vespertino, foi realizada uma passeata em frete ao Tribunal Regional do Trabalho, no Centro Político Administrativo (CPA). Seguiram para o Palácio Paiaguás, sede do governo de Mato Grosso.

 

Protestos também aconteceram em diversas cidades do interior de Mato Grosso.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
-
Atualizado às 21h00 - Fonte: Climatempo
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
% (mm) Chance de chuva
Amanhã (05/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Segunda (06/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °